Hoje fizemos o primeiro momento de formação/reflexão sobre a sua vida e o seu carisma a fim de o compreendermos melhor e a fim de melhor compreendermos a missão que nos é confiada – em Comunidade reconstruir sentidos de vida indo ao encontro das pessoas que mais necessitam, as que estão em situação de sem-abrigo. Estivemos voluntários, profissionais de diferentes unidades e membros da Direção.

Deixamos um sincero e sentido bem haja ao Frei Fabrizio Bordin que nos orientou nesta reflexão e que connosco celebrou a Eucaristia.

Foi um momento muito bom que nos deixou questões, desafios, interpelações e nos alimentou a esperança no que vivemos e no que diariamente somos chamados a viver.

Para aguçar a motivação para momentos futuros partilhamos uma questão: como podemos ser próximos, tocar os intocáveis e oferecer-lhes sempre “um sorriso feliz”?