PROJETOS DE VIDA EM PARTILHA.

Os apartamentos partilhados constituem uma unidade de apoio residencial destinada a receber utentes das Comunidades Terapêuticas e de Inserção, que tendo concluído o Programa Terapêutico não disponham de condições para se instalarem autonomamente e careçam de suporte psicossocial continuado.

Para estarem inseridos nesta unidade, os utentes precisam de ter um projeto de vida concreto, estar integrados profissionalmente ou a frequentar cursos de formação profissional e que tenham parecer favorável dos serviços de tratamento/reabilitação.

Apartamento da Damaia

Capacidade: 3 residentes

Apartamento de Odivelas

Capacidade: 5 residentes